Coringa continua quebrando MAIS RECORDES nos EUA!

Coringa continua quebrando MAIS RECORDES nos EUA!

Após um excelente e recordista fim de semana de estreia, Coringa continuou sua carreira na bilheteria americana de maneira excelente – e indicando que, apesar de seu conteúdo perturbador,...

 Coringa continua quebrando MAIS RECORDES nos EUA!

Publicidade


Publicidade

Após um excelente e recordista fim de semana de estreia, Coringa continuou sua carreira na bilheteria americana de maneira excelente – e indicando que, apesar de seu conteúdo perturbador, o boca a boca do filme tem sido ótimo.

 

Na segunda-feira, dia 07/10, o violento filme de Todd Phillips faturou mais US$ 9,7 milhões nos EUA. Trata-se da maior bilheteria arrecadada em uma segunda no mês de outubro no país, superando Venom, que havia faturado US$ 9,6 milhões em sua primeira segunda-feira no ano passado. Esta vitória sobre o simbionte da Marvel é surpreendente por alguns motivos. Em primeiro lugar, enquanto Coringa possui uma classificação mais adulta, a de Venom permitia a entrada de crianças e adolescentes. Além disso, a primeira segunda do simbionte ocorreu no feriado americano do Dia de Colombo, justamente quando muitas escolas não tinham aula, portanto as crianças haviam mais disponibilidade para ir aos cinemas. Já a primeira segunda de Coringa ocorreu num dia útil normal.

Publicidade

 

No dia seguinte, uma terça-feira, Coringa faturou US$ 13,9 milhões. Novamente, ele quebrou o recorde de maior bilheteria numa terça no mês de outubro, mais uma vez derrotando a de Venom, que havia arrecadado US$ 8,2 milhões. Aliás, o longa também superou a primeira terça de outro violento filme sobre palhaços assassinos: It: A Coisa, que estreou em setembro de 2017 e cuja terça foi de US$ 11,4 milhões. O longa só perde para a primeira terça de US$ 15,9 milhões de Jogos Vorazes: Em Chamas, cuja chegada aos cinemas foi em novembro de 2013. 

 

Publicidade

Em outras palavras: Coringa obteve a segunda maior terça-feira para um filme lançado entre os meses de setembro e novembro.

 

Publicidade

 

No total, a história de origem do vilão mais famoso do Batman chegou a US$ 119,8 milhões após 5 dias em cartaz nos Estados Unidos. Trata-se de um valor 22% superior ao conquistado por Venom no mesmo período. Com isso, analistas do mercado cinematográfico estão calculando que o palhaço homicida da DC vá encerrar sua carreira com cerca de US$ 265 milhões nos EUA, o que faria dele uma das dez maiores bilheterias para filmes de censura mais restrita da história.

 

Publicidade

No próximo fim de semana, espera-se que Coringa mais uma vez lidere as bilheterias do fim de semana, faturando cerca de US$ 42,5 milhões. Ele irá enfrentar o remake animado A Família Addams, que deve arrecadar entre US$ 28 milhões a US$ 30 milhões; o thriller de ação estrelado por Will Smith Projeto Gemini, cuja bilheteria deve ficar entre US$ 24 milhões e US$ 29 milhões; e a comédia Jexi, o último longa a ser distribuído pela CBS Films, e que deve arrecadar menos de US$ 10 milhões.

 

De toda forma, a liderança de Coringa deve durar ao menos até a sexta-feira, dia 18, quando então enfrentará a fantasia da Disney Malévola: Dona do Mal e a comédia pós-apocalíptica da Sony Zumbilândia: Atire Duas Vezes – que, coincidentemente, foi o diretor de Venom.

Publicidade

 

 

Publicidade

Ainda assim, os números do palhaço assassino interpretado por Joaquin Phoenix nos últimos dias demonstram que o seu boca a boca está tão bom que ele pode se segurar exemplarmente nas próximas semanas, mesmo enfrentando concorrentes tão diversos.

 

E você, já assistiu Coringa? O que achou? Comente conosco!

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Site Parceiro
© 2019-2022 Legado Plus, uma empresa da Legado Enterprises.