Duna estreia acima das expectativas na bilheteria internacional

Duna estreia acima das expectativas na bilheteria internacional

A aguardada ficção científica do diretor Denis Villeneuve, Duna estreou antecipadamente no último fim de semana em 24 países. Ele arrecadou ao todo US$ 37 milhões e ficou em...

 Duna estreia acima das expectativas na bilheteria internacional

Publicidade


Publicidade

A aguardada ficção científica do diretor Denis Villeneuve, Duna estreou antecipadamente no último fim de semana em 24 países. Ele arrecadou ao todo US$ 37 milhões e ficou em primeiro lugar em praticamente todos os mercados.

É uma estreia bem acima das expectativas da indústria do cinema, que esperava uma abertura na casa dos US$ 20 milhões. Segundo o Deadline, a abertura do longa foi 4% acima da de Tenet, 33% acima de Viúva Negra, 52% acima de Blade Runner 2049, 58% acima de Shang-Chi e 80% acima de Godzilla vs Kong no mesmo conjunto de mercados. Para ser justo, os dois monstros estrearam nesses países quando boa parte de suas salas ainda estavam fechadas por conta da pandemia.

Uma parte do público que assistiu ao longo (155 minutos de duração) épico de ficção científica neste fim de semana levou a sério a recomendação de Villeneuve para que o filme fosse visto nas maiores e melhores telas possíveis: US$ 3,6 milhões (10%) do faturamento do filme vieram de salas IMAX. Foi a melhor estreia no formato desde o início da pandemia em 10 mercados: Rússia, França, Bélgica, Dinamarca, Alemanha, Noruega, Suécia e Ucrânia.

Publicidade

Rússia e França empataram com as melhores bilheterias do filme, que faturou US$ 7,6 milhões em cada país. Em seguida, vieram a Alemanha (US$ 4,9 milhões), Itália (US$ 2,6 milhões) e Espanha (US$ 2,1 milhões).

Na próxima semana, Duna chega ao Oriente Médio. Ao longo do mês que vem, o épico estreará em países como Japão, Coréia, Reino Unido, Estados Unidos e, claro, o Brasil no dia 21. Apesar de ser um filme hollywoodiano, Duna demorará mais para chegar aos EUA devido ao fato de que lá a estreia será simultânea nos cinemas e streaming – bem como aos sites piratas. Por isso, será um esforço para combater a pirataria e levar o público global do longa a assisti-lo onde ele deve ser visto: no cinema.

Publicidade

      VEJA MAIS:

Site Parceiro
© 2019-2022 Legado Plus, uma empresa da Legado Enterprises.